Você está em: Início Novidades

Concursandos iniciam estudos para seleção da PM

13/01/2017

Concursandos iniciam estudos para seleção da PM

 

Depois que o governador Rui Costa anunciou a realização de um novo concurso público para oficiais e soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, a concursanda Catharina Assunção, 20, vai reforçar ainda mais os estudos. A faculdade de direito é plano para o futuro. Agora, a estudante vê no concurso da PM a possibilidade de iniciar a vida profissional. “Eu sempre quis ser militar e estava aguardando esse concurso abrir desde o início do ano passado”, comenta Catharina. 

A estudante chegou a abandonar o curso de oceanografia na Universidade Federal da Bahia (Ufba) para se dedicar a um cursinho preparatório. Ela conta que se apaixonou pelo militarismo na escola. “Fui do   Colégio Militar do Exército e gostei muito. Passei o verão passado estudando e vou continuar me preparando”, diz Catharina. Atualmente, a concursanda estuda oito horas por dia e ainda vai para as aulas do cursinho.

Mas nem todo estudante pode disponibilizar o mesmo  tempo para os estudos. Algumas pessoas trabalham, cursam a faculdade e ainda  se dedicam a concursos públicos.  O estudante que deseja ser aprovado nessas provas deve apostar na elaboração de um plano de estudos. Quem deseja ter bons resultados  tem que se organizar antes de começar a estudar. O primeiro passo é  separar tempo e apostilas com assuntos e provas dos anos anteriores. 

 

"

Eu sempre quis ser militar e estava aguardando esse concurso abrir

Catharina Assunção, concursanda

 

Participar de aulas com foco em concursos  também pode ser a solução. “O curso preparatório tem um papel importante porque ele consegue dar um norte ao estudante. Tem aluno que sabe o assunto, mas não tem muita noção de como as questões podem cair na prova”, explica o advogado e professor de cursos preparatórios em Salvador Osmar Palma.  

O proprietário do curso Opção, Jussílvio Pena, alerta para a hora de começar a estudar.  De acordo com o professor, o concursando deve se preparar o quanto antes. “O concurso da PM da Bahia é diferente. A prova daqui exige  que o candidato domine mais conteúdos e, por conta disso, não dá para esperar o edital sair para começar a estudar, o candidato deve separar os últimos meses para responder questões”, esclarece. Pena diz que prepara uma turma especial para esse tipo de concurso, a “Tropa de Elite”.  Esse grupo é composto por alunos que buscam aprovação em concursos da área militar. “Eu tenho estudantes que estão estudando desde 2013”, completa Pena.

Outra dica importante é  dar uma pausa para o descanso durante os intensas horas de estudo. O professor Palma aconselha que o candidato separe cerca 40 minutos para respirar e relaxar. Também é essencial controlar a ansiedade e manter a calma. “O êxito não vem só com o estudo, vem com a tranquilidade”, fala o professor.  

 Quantidade de vagas

De acordo com o anúncio que foi feito na última quarta-feira, 14, durante o lançamento da Operação Verão, a seleção terá 2.870 vagas disponíveis. Serão duas mil vagas para soldados da Polícia Militar, 780 para bombeiros, 60 oficiais da PM, 20 para oficiais médicos e dez na área de odontologia.

O edital do concurso, que tem previsão de acontecer no decorrer no próximo de 2017, ainda não foi divulgado.

Ver todas as novidades