Você está em: Início Novidades

PRF irá preparar servidores para realização de concursos

23/09/2016


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) está em processo de contratação de uma empresa para aplicar a seus servidores um curso sobre técnicas de segurança e eficiência no planejamento, realização e controle de concursos públicos. A iniciativa se soma à formação, no mês passado, de uma comissão para elaborar ainda este ano a minuta de um novo edital de concurso para policial rodoviário federal.
 
O extrato de dispensa de licitação para a contratação da Con Treinamentos para aplicar o curso foi publico no Diário Oficial da União (DOU) da última quinta-feira, dia 22. Questionada, a PRF confirmou que o curso faz parte do planejamento para um próximo concurso e que o objetivo é o aperfeiçoamento do quadro efetivo do órgão no planejamento, realização e controle de concursos públicos.

A PRF ressaltou que não há previsão de concursos para o cargo de policial rodoviário federal, mas que "reiteradamente encaminha, por meio do Ministério da Justiça, pedidos de abertura de vagas para o cargo ao Ministério do Planejamento". Sobre os servidores que participarão do curso, afirmou que essas informações são de caráter interno, não sendo repassadas à imprensa.
 


Déficit e aposentadorias trazem urgência

O órgão tem urgência na realização de um novo concurso para o cargo, tendo em vista o déficit de 2.500 policiais e a previsão de 3.600 aposentadorias até o fim do ano que vem. Atualmente, a PRF possui pouco mais de 10 mil policiais, trabalhando em escala de revezamento, para fazer o patrulhamento dos mais de 75 mil quilômetros da malha rodoviária federal. Além disso, muitos deles estão hoje em atividades administrativas, por conta da falta de servidores específicos do setor.

A PRF chegou a solicitar autorização de concurso este ano, para 1.500 vagas, mas o pedido foi negado em função da suspensão dos concursos no Poder Executivo federal até o fim do ano que vem. Um novo pedido deverá ser feito no próximo ano, com maiores chances de aprovação, uma vez que o preenchimento das vagas se daria a partir de 2018, quando espera-se tenham terminado as restrições à contratação de pessoal impostas pelo governo.

O cargo de policial rodoviário federal tem requisito de ensino superior completo em qualquer área e carteira de habilitação na categoria B ou superior. A remuneração inicial é de R$7.177,91 (incluindo o auxílio-alimentação, de R$458), mas há reajuste acordado com o governo e já previsto na proposta de orçamento para 2017, segundo o Planejamento.
 
Fonte: Folha Dirigida

 

Ver todas as novidades